Mato Grosso, 27 de novembro de 2014
.:: Publicidade

Outubro Rosa: Saúde de Nova Ubiratã mobiliza mulheres o auto-exame de mama

Em 16 de outubro de 2012 as 07h10

A doença é silenciosa. O câncer normalmente não dói. Contudo, a mulher deve ficar atenta a qualquer alteração nas mamas. O surgimento de nódulo (caroço), por exemplo, é um indício.

Fonte: Sérgio Édison/Assessoria

http://www.expressomt.com.br/matogrosso/outubro-rosa-saude-de-nova-ubirata-mobiliza-mulheres-o-auto-exame-de-mama-35025.html

Crédito: Ilustração
Outubro é o mês internacional de prevenção ao câncer de mama. Por conta disso, a Secretaria de Saúde de Nova Ubiratã promove uma série de ações para conscientizar a população sobre a campanha nacional Outubro Rosa.

O câncer de mama é uma doença que atinge milhares de mulheres pelo mundo. Última estimativa feita pelo Instituto Nacional do Câncer (Inca) revela que no Estado são cerca de quatrocentos casos.

Os homens também não estão imunes, apesar da incidência ser menor nesse público. Em Mato Grosso, no ano de 2005, foram registrados 276 casos de câncer de mama em mulheres e dois em homens.

A doença é silenciosa. O câncer normalmente não dói. Contudo, a mulher deve ficar atenta a qualquer alteração nas mamas. O surgimento de nódulo (caroço), por exemplo, é um indício.

Por este motivo, é muito importante o exame de toque, que consiste simplesmente em apalpar as mamas, as axilas e a região do pescoço e clavículas.

Há outros exames que detectam a doença: mamografia e Raio X, mas estes são solicitados pelo médico em consultas de rotina.

Existem vários tipos de tratamento para o câncer de mama, quem define o mais adequado é o especialista chamado mastologista, que trata desse tipo de doença.

As suspeitas devem ser consideradas. Se você detectar algum caroço marque imediatamente uma consulta em uma das unidades de saúde de Nova Ubiratã.

OUTUBRO ROSA
É um movimento popular internacionalmente conhecido e comemorado em todo o mundo. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama e estimula a participação da população, empresas e entidades.

A mobilização que visa estimular mulheres a fazerem o autoexame e a buscar os cuidados possíveis para evitar que as estatísticas de incidência de câncer previstas para o futuro virem casos concretos da doença.


Comentários

Topo

© ExpressoMT (2008 - 2014) - Todos os direitos reservados.

Fale conosco| Seja um parceiro| Quem somos| Mapa do site