Mato Grosso, 17 de Outubro de 2018
Esportes
Discrição e influência nos bastidores: como Raí ajuda a levantar o São Paulo de novo
09.08.2018
08:36
FONTE: G1

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

  • leco1

    Rubens Chiri / saopaulofc.net

Diego Souza, Everton, Everton Felipe, Bruno Peres e até Valdívia, que já saiu do São Paulo… Todos eles exaltaram, na chegada ao clube, a participação de Raí, executivo de futebol, nas negociações. A atuação do ídolo do Tricolor nos bastidores, aliás, tem sido muito elogiada internamente.

 

Raí raramente dá entrevistas para falar do seu trabalho como diretor. Esse papel, de aparecer mais para a imprensa, é do coordenador Ricardo Rocha.

 

O papel de Raí tem sido participar ativamente de todas as contratações e usar seu prestígio e histórico como jogador para convencer os reforços. Na última quarta-feira, Everton Felipe, último contratado pelo Triclor, falou que "quando o Raí liga, as coisas mudam".

 

– Ele é fundamental em muitas coisas nesse clube, inclusive na vinda de muitos jogadores. Eu falo sempre: 'vai'. Quando o Raí aparece as coisas mudam. Como foi comigo, eu estou no São Paulo hoje pelo projeto que ele me mostrou – falou Ricardo Rocha.

 

Raí raramente dá entrevistas para falar do seu trabalho como diretor. Esse papel, de aparecer mais para a imprensa, é do coordenador Ricardo Rocha.

 

O papel de Raí tem sido participar ativamente de todas as contratações e usar seu prestígio e histórico como jogador para convencer os reforços. Na última quarta-feira, Everton Felipe, último contratado pelo Triclor, falou que "quando o Raí liga, as coisas mudam".

 

– Ele é fundamental em muitas coisas nesse clube, inclusive na vinda de muitos jogadores. Eu falo sempre: 'vai'. Quando o Raí aparece as coisas mudam. Como foi comigo, eu estou no São Paulo hoje pelo projeto que ele me mostrou – falou Ricardo Rocha.

 

Raí, aliás, é o oitavo diretor de futebol do São Paulo desde que Leco assumiu a presidência, em outubro de 2015. Até agora, o diretor contratou 11 reforços para o Tricolor, dos quais apenas Valdívia, que estava emprestado pelo Inter, foi negociado com o futebol árabe.

 

Os demais seguem no clube: Jean, Diego Souza, Nenê, Tréllez, Anderson Martins, Everton, Gonzalo Carneiro, Rojas, Bruno Peres e Everton Felipe.

 

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

NOTÍCIAS RELACIONADAS
ENVIE SEU COMENTÁRIO