Mato Grosso, 19 de Outubro de 2018
Economia / Agronegócio
Dólar opera em queda, após pesquisa Datafolha
11.10.2018
09:41
FONTE: G1

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

  • 637x325

    ilustração

O dólar opera em queda nesta quinta-feira (11), após a pesquisa Datafolha de intenção de votos para o segundo turno da eleição presidencial, a primeira após o 1º turno.

 

Datafolha para presidente, votos válidos: Bolsonaro, 58%; Haddad, 42%

 

Às 9h14, a moeda norte-americana caía 0,66%, vendida a R$ 3,7363.

 

Na véspera, o dólar subiu 1,42%, vendido a R$ 3,7617, repercutindo declarações do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) sobre a reforma da Previdência e Eletrobras.

 

Ajustes nas perspectivas

Desde agosto, a moeda norte-americana vinha se mantendo acima de R$ 4, em meio a incertezas sobre o cenário eleitoral e também ao cenário externo mais turbulento, o que fez aumentar a procura por proteção em dólar.

 

A expectativa de que a cautela iria predominar nos mercados foi substituída por ajuste de posições nos últimos pregões, em meio ao resultado das últimas pesquisas eleitorais antes do 1º turno.

 

O mercado prefere candidatos com viés mais reformista e entende que aqueles com viés mais à esquerda não se enquadram nesse perfil. E, diante do resultado do 1º turno, o mercado entende que o país poderá ser governado por alguém com o perfil adequado à sua preferência.

 

A projeção do mercado financeiro para a taxa de câmbio no fim de 2018 permaneceu em R$ 3,89 por dólar, segundo previsão de analistas de instituições financeiras divulgada por meio de boletim de mercado pelo Banco Central nesta semana. Para o fechamento de 2019, ficou estável em R$ 3,83 por dólar.

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

NOTÍCIAS RELACIONADAS
ENVIE SEU COMENTÁRIO