Mato Grosso, 23 de Agosto de 2017
Variedades
Estudo: homens são piores do que mulheres para executar várias tarefas ao mesmo tempo
19.06.2017
08:44
FONTE: Crescer

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

  • familia_ajudando_tarefas

As crianças ficam em casa com o seu parceiro e, quando você volta, está o maior caos? Claro que isso não é regra, mas muitas mulheres acabam se deparando com uma realidade parecida. As mães se desdobram para trabalhar fora e dar conta de preparar a lancheira, dar banho, trocar fraldas, limpar a casa, ajudar na tarefa escolar dos filhos, fazer o jantar... Enquanto isso, muitos pais ficam perdidos em meio a tantas tarefas. O fato é que, ao contrário das mulheres, boa parte dos homens sente mesmo dificuldades para realizar várias ações ao mesmo tempo – e isso acaba de ganhar mais uma prova científica.

 

Acontece que o cérebro dos homens funciona de maneira diferente do das mulheres. Não é que eles não queiram fazer mais do que uma coisa por vez – é que eles não conseguem mesmo! A ciência já sabe disso, mas um novo estudo reforça essa ideia. No entanto, isso não deve ser usado como desculpa para deixar de fazer seu papel em casa, certo?

 

Neurocientistas do Hospital Universitário Balgrist (Suíça) testaram o desempenho de homens e mulheres em diferentes tarefas simultâneas. Eles tinham que caminhar e fazer determinados movimentos enquanto respondiam a perguntas simples feitas pelos cientistas. O resultado, claro, mostrou que isso não era problema para as mulheres, enquanto que, para os homens, foi um desafio complexo. Lembre-se disso antes de iniciar mais uma briga porque o seu parceiro não conseguiu realizar tarefas que são muito fáceis para você.

 

Mesmo com um cérebro diferente do da mulher, o pai deve sim participar ativamente da criação dos filhos e da divisão de tarefas. A partir de entrevistas com especialistas, CRESCER selecionou algumas dicas para facilitar tudo isso:

 

Papel do pai na amamentação e no pós-parto

*Buscar informação: o companheiro deve estar envolvido e informado sobre o assunto. Leiam juntos, assistam a vídeos, procurem especialistas e frequentem grupos de apoio. Saber o que é a amamentação, a importância dela para o bebê e para mãe, conhecer os possíveis problemas e as técnicas é a melhor forma de se preparar.

 

*Não criar falsas expectativas: o parceiro precisa entender que pode até parecer fácil amamentar um bebê, mas não é! Alguns homens ainda não entendem que amamentar é exaustivo tanto física como emocionalmente. Ele precisa oferecer suporte à companheira nesse período. 

 

*Estar presente: nos primeiros meses, a mulher passa dias e noites com o bebê grudado nela, o que é bom, mas cansativo. A mãe precisa da presença de um adulto que a compreenda e que esteja ali, emocionalmente conectado, para ajudá-la a passar por essa fase. Estar junto já é uma forma de apoio.

 

*Assumir outras tarefas: enquanto a mulher se dedica integralmente ao recém-nascido, o pai deve assumir outras responsabilidades, como os cuidados com os filhos mais velhos, a organização da casa, as refeições etc.

 

Papel do pai em todas as fases da vida do filho

* Dê bons exemplos: a criança aprende por meio de exemplos. Quanto mais referências ela tiver, maior será sua segurança emocional. O homem tem brincadeiras, interesses e raciocínios diferentes, que acrescentam muito na educação dos filhos.

 

* Interagir: a interação é fundamental. Portanto, evite chegar do trabalho e ficar no computador ou celular, sem interagir com o filho. Aproveite o tempo que têm juntos para brincar, conversar sobre o dia da criança, ajudar na tarefa escolar, ler uma história, fazer uma refeição juntos e colocá-la na cama. 

 

*Esteja presente: levar na escola, ao médico, ao parque, fazer comida... Não basta o pai estar presente apenas quando convém: ele também deve assumir os compromissos do filho e abraçar todas as tarefas que surgirem. Por que só a mãe deve faltar no trabalho para levar a criança ao médico? Por que o pai não pode ficar responsável pelo jantar três vezes por semana? E por que o pai não cuida da lancheira da criança de vez em quando? Fazer combinados e criar uma rotina com divisões justas facilita a vida de todos os integrantes da família e não sobrecarrega ninguém.

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

NOTÍCIAS RELACIONADAS
ENVIE SEU COMENTÁRIO