Mato Grosso, 16 de Outubro de 2018
Economia / Agronegócio
Etanol de milho: um caminho sem volta em Mato Grosso e no Brasil
12.02.2018
14:37
FONTE: Mato Grosso Agro

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

  • etanolll

    ilustração/internet

A transformação de milho em etanol já é considerada um caminho sem volta em Mato Grosso e no Brasil. Com uma tonelada do cereal, além de se produzir 430 litros de etanol, são retirados dali 15 litros de óleo de milho e 550 quilos de DDG (farelo) destinados para a ração animal na pecuária e, ainda, energia elétrica.

 

A agregação de valor é grande e, segundo especialistas, impulsionar cadeias produtivas como a de eucalipto e a pecuária. Hoje, em Mato Grosso três usinas de etanol flex produzem etanol a partir da cana-de-açúcar e do milho, além de uma usina full que produz o biocombustível 100% através do milho. O estado conta ainda com outros projetos na área que deverão movimentar toda uma cadeia produtiva.

 

Em setembro de 2017 produtores de milho, indústria e desenvolvedores de biotecnologia se uniram em criaram em Mato Grosso a União Nacional do Etanol de Milho (Unem), dando assim um ponta pé para o fortalecimento da produção do biocombustível não somente no estado, mas em todo o país.

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

NOTÍCIAS RELACIONADAS
ENVIE SEU COMENTÁRIO