Mato Grosso, 20 de Abril de 2019
Economia / Agronegócio
Indústrias de suínos e aves se unem ao Sindifrigo-MT
11.04.2019
06:33
FONTE: Assessoria

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

  • suinos

    Ilustração

O Sindicato das Indústrias de Frigoríficos de Mato Grosso (Sindifrigo-MT), entidade que agrega mais de 30 estabelecimentos do segmento de abate de bovinos no estado, agora também representa as indústrias de aves e suínos.

 

Em reunião realizada na sede do sindicato, em Cuiabá, os empresários alinharam as pautas dos setores. Desta forma, todas as empresas juntas representam uma movimentação anual em cerca de R$ 2 bilhões, e geram aproximadamente  84 mil empregos diretos e indiretos em Mato Grosso.

 

Para o presidente do Sindifrigo-MT, Paulo Bellincanta, a medida une os empresários das carnes aumentando a representatividade da entidade perante órgãos do governo estadual e federal.

 

Segundo Bellincanta “um Estado líder no agronegócio não pode ter uma indústria fraca e muitas vezes até desprezada. A maior riqueza é o produto, a matéria prima, enquanto outros estados ‘brigam’ para ter ou importam para processar a carne, e nós com essa abundância, muitas vezes não valorizamos”.

 

Para o ex-senador Cidinho  Santos, dono do frigorífico de aves, União Avícola, que tem unidades em Mato Grosso e Goiás, “o Sindifrigo-MT é uma entidade que tem uma representatividade muito forte e respeitada tanto nos órgãos estaduais, quanto nos federais”.

 

Cidinho acrescenta que “o convite feito pelo presidente Paulo Bellincanta e da diretoria da entidade para unir as indústrias frigoríficas das aves e suínos, vai gerar uma sinergia entre os setores, e trazer ganhos consideráveis. Então agora vamos lutar juntos pelas causas do setor”.

 

O diretor-geral da Nutribras Alimentos, Paulo Lucion também marcou presença na reunião. O gestor comanda a indústria com unidades localizadas nos municípios de Vera e Sorriso.

 

“Eu acho que nós vamos ter um ganho em conjunto, de forma macro, já que todos fazemos  parte da cadeia da carne”, afirma Lucion.

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

NOTÍCIAS RELACIONADAS
ENVIE SEU COMENTÁRIO