Mato Grosso, 24 de Julho de 2017
Esportes
Muito além dos gols: um Girotto "cada dia mais perfeito" para Mancini
20.03.2017
09:02
FONTE: G1

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

  • Andrei Girotto comemorando um dos gols na goleada da Chape sobre o Tubarão
Na Europa, chamam de "box-to-box" (de uma área a outra). No Brasil, o termo mais comum é volante moderno. Não importa o rótulo, o fato é que a necessidade transformou Andrey Girotto em uma das peças mais importantes da Chapecoense. Com a lesão de Amaral - afastado por seis meses por conta de uma cirurgia no joelho -, o meio-campista se viu com a obrigação de proteger a zaga na cabeça de área. A qualidade técnica e a vocação ofensiva, entretanto, fazem parte de seu repertório e foram recompensadas em grande estilo: três gols na goleada por 7 a 0 sobre o Tubarão. Performance que lhe rendeu aplausos de pé na Arena Condá e elogios rasgados do chefe.

Para Mancini, mais do que os gols, Girotto ditou juntamente com Luiz Antonio o ritmo de uma Chape que precisava mostrar força ofensiva depois de ser amplamente dominada pelo Lanús na Libertadores. E as estatísticas mostram realmente um desempenho além do hat-trick que lhe permitiu pedir música no "Fantástico". Em pouco mais de uma hora em campo, o volante acertou 21 dos 24 passes que tentou, fez um lançamento longo, desarmou três vezes e ainda teve tempo para duas finalizações que passaram bem perto do gol do Tubarão.

- O Andrey fez um grande jogo. Acho que três gols em tempo recorde, não lembro de um volante fazer isso. É um atleta extremamente esforçado, cumpre o que é pedido, desempenha uma função que não é a dele desde a lesão do Amaral, tem jogado um pouco mais atrás. A cada dia, mostra mais perfeição no que eu quero, busca essa melhora, fala muito comigo, eu oriento. Quando faz o gol, cresce a confiança. Isso que torna o atleta diferente. Além dos gols, desarmou muito, jogou em velocidade, fez a transição muito rápida... - elogiou Mancini.

Se a função de meia-armador segue sendo o calcanhar de Aquiles da nova Chape, o treinador encontrou em casa a solução para a cabeça de área. Titular em 13 dos 16 jogos da equipe na temporada, Andrey Girotto chega moral elevada para o duelo com o Almirante Barroso, quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), fora de casa, pela terceira rodada do returno do Catarinense. Com quatro pontos, o Verdão é o vice-líder da competição, atrás do Joinville, que tem seis.

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

NOTÍCIAS RELACIONADAS
ENVIE SEU COMENTÁRIO