Mato Grosso, 20 de Abril de 2018
Nacional / Internacional
Polícia do Rio prende pai que aparece em vídeo tentando estuprar a filha
10.01.2018
10:10
FONTE: G1

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

  • estuprador

    Em vídeo, pai aparece tentando abusar da própria filha; homem estava foragido desde 5 de outubro de 2017 (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

A Delegacia da Criança e Adolescente Vítima (Dcav) prendeu no início da tarde desta terça-feira (9) o pai que aparecia em vídeo tentando estuprar a própria filha. O caso, mostrado pelo G1 em dezembro, aconteceu na Baixada Fluminense. O homem era procurado desde o dia 4 de outubro de 2017. A pena pode variar entre 12 a 22 anos e meio de prisão.

 

A prisão ocorreu depois de várias diligências em casas de familiares e no local de trabalho do suspeito, quando foi negociada com seu advogado a apresentação na delegacia, na Lapa, no Centro do Rio. A vítima, segundo as investigações, era abusada desde os 10 anos. Hoje com 16 anos, ela conseguiu escapar dos abusos depois de gravar um vídeo mostrando uma das tentativas de estupro.

 

A vítima relatou em exame de corpo delito que foi estuprada pela primeira vez pelo pai aos 10 anos de idade. O exame revelou que a jovem não era mais virgem e, em depoimento, ela disse que foi forçada a ter seis relações sexuais com o pai, sem preservativo. "Mandava transar direito, fazia ameaças, dizendo que ia matá-la", lê-se no documento.

 

A polícia pediu a expedição do mandado de prisão temporária no dia 28 de setembro, depois de ter acesso ao vídeo e aos relatos da jovem. O mandado foi deferido pela Justiça. O caso está em fase de inquérito e o suspeito ainda não foi denunciado. No entanto, no dia 5 de outubro a polícia procurou o homem em seu local de trabalho, e ele não havia sido encontrado até esta terça-feira, quando foi preso.

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

NOTÍCIAS RELACIONADAS
ENVIE SEU COMENTÁRIO