Mato Grosso, 20 de Setembro de 2018
Economia / Agronegócio
Produção de mel cresce no norte de Minas Gerais
13.09.2018
15:31
FONTE: GLOBO RURAL

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

  • 637x325_3

    ilustração

A produção de mel se transformou numa boa fonte de renda para pequenos agricultores do norte de Minas Gerais. Nos últimos anos, o volume produzido cresceu mais de 200%.

 

No sertão do norte do estado, com a falta de chuva dificultando o cultivo da terra, as abelhas ainda encontram de onde tirar o sustento nas poucas plantas que florescem.

 

Por causa do clima, a produção leiteira na região caiu nos últimos anos e foi a apicultura que salvou muitos produtores rurais.

 

É o caso de Aparecida da Silva. "Não temos condições de comprar os produtos para alimentar uma vaca para ela dar leite para vender e poder ter lucro. Com a abelha é mais fácil porque quase não precisamos alimentá-la”, diz.

 

De mãe para filho

E 95% das pessoas que trabalham na atividade são da agricultura familiar, como Terezinha Meira, que já está há certo tempo no ramo e agora repassa seus conhecimentos para o filho, Pedro Victor Meira.

 

Os dois são de Bocaiúva, município com a maior produção de Minas Gerais: são 128 mil quilos de mel por ano.

 

“Hoje eu trabalho na apicultura e vejo que na roça não preciso sair para ter novos horizontes. Penso em sair para estudar, mas penso em voltar", diz Pedro.

 

No norte de Minas Gerais já são 1.400 agricultores familiares que investem também na apicultura.

 

Em Januária, foi montada uma associação que processa, embala e vende o mel. Começou com 7 apicultores, e hoje são mais de 50.

 

"A cada ano que passa tem aumentado mais a produtividade. Pessoas procurando porque é um meio de uma renda, ou renda principal de uma família ou auxiliar”, diz Luciana Américo, presidente da associação.

 

Para aumentar os conhecimentos sobre a atividade, os agricultores recebem cursos oferecidos pelo Senar, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural.

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

NOTÍCIAS RELACIONADAS
ENVIE SEU COMENTÁRIO