Mato Grosso, 23 de Outubro de 2017
Variedades
Sim, homens também podem sofrer com a infecção urinária
11.10.2017
09:42
FONTE: Naira Hofmeister, Silvia Lisboa e Juan Ortiz

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

  • infecc3a7c3a3o_urinc3a1ria_homens

    Entenda as especificidades dessa doença no sexo masculino. (Foto: Alex Silva/Ilustração: Daniel Almeida/SAÚDE é Vital)

É muito provável que não seja surpresa alguma, se te dissermos que metade das mulheres do mundo inteiro vão sofrer com a infecção urinária pelo menos uma vez ao longo de suas vidas. Mas e os homens? Será que eles também têm de ser preocupar com este mal?

 

“Potencialmente, todos nós corremos o risco de ter a condição, porque as bactérias por trás dela já estão em nosso organismo”, explica a médica Leda Lotaif, diretora da Sociedade Brasileira de Nefrologia. Indivíduos do sexo masculino, portanto, também podem ser vítimas dela.

 

A proporção é muito menor (para cada 10 mulheres afetadas pela cistite, apenas um homem contrai a infecção), mas não custa nada prestar atenção, não é mesmo? Fique por dentro de todas as particularidades dessa doença nos homens:

 

Eles são minoria entre as vítimas da doença porque as bactérias têm mais dificuldade de viajar pela uretra deles (maior que a feminina), mas também porque, durante o sexo, eles expelem por ali um líquido antimicrobiano. Tem mais: os homens fazem xixi o tempo todo e em qualquer lugar, o que diminui a probabilidade de enfrentar o tormento. Só que essa proteção costuma ter prazo de validade: vai até os 50 anos, período em que o aumento da próstata tende a acontecer.

 

Trata-se de um fenômeno natural à idade, mas que pode resultar no aprisionamento de urina na bexiga, cenário ideal a infecções. “Nesse caso, é preciso usar medicação para melhorar o esvaziamento do órgão”, diz o urologista Walter Koff, do Hospital de Clínicas de Porto Alegre. Ou partir para tratamentos que reduzam o volume da próstata em si.

 

Medidas protetoras

 

Cuide-se

Relação sexual segura e boa higiene ajudam a evitar os chabus infecciosos – em si e na parceira.

 

É a próstata?

Queixas ligadas à infecção urinária após os 50 anos pedem avaliação da glândula masculina.

 

Libera a comporta

Se a cistite for confirmada, não raro é preciso apelar para remédios que estimulam a bexiga.

 

Dose certa

Nada de usar antibiótico a menos ou a mais que o plano proposto pelo especialista.

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

NOTÍCIAS RELACIONADAS
ENVIE SEU COMENTÁRIO