Mato Grosso, 24 de Setembro de 2020
Esportes
Atlético de Madrid bate o Barcelona e vai à final da Supercopa da Espanha contra o Real
10.01.2020
09:21
FONTE: Globo Esporte

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

  • Em jogo com duas viradas, Atlético de Madrid bate o Barcelona e vai à final da Supercopa da Espanha contra o Real

    Atlético de Madrid Barcelona Supercopa da Espanha (Foto: Waleed Ali/Reuters)

Foi uma semifinal digna de Barcelona e Atlético de Madrid na Arábia Saudita. Em um segundo tempo com cinco gols e duas viradas, os comandados por Simeone jogaram pior, mas aproveitaram os vacilos da defesa rival para buscarem vitória por 3 a 2 e avançarem à final da Supercopa da Espanha, contra o Real Madrid. Koke, Messi, Griezmann, Morata e Correa fizeram os gols do jogo.

 

Resumão

O primeiro tempo teve poucas chances claras, todas elas do Barcelona, que parava em um inspirado Oblak. Na volta do intervalo, Koke entrou na vaga de Herrera e precisou de 18 segundos para abrir o placar. Depois disso, o Barça voltou a comandar as ações e conseguiu a virada em 15 minutos. Primeiro com Messi em bonito chute de direita, depois com Griezmann aproveitando rebote após cabeceio de Suárez.

 

O time catalão dava mostras de que teria vida tranquila rumo à classificação. Teve dois gols anulados: um em grande jogada de Messi, que acabou tocando com o braço na bola, outro de Piqué, após impedimento de Vidal na assistência em cobrança de falta na área. Mas bastaram dois cochilos defensivos para o Atlético ressuscitar na partida. Aos 34 minutos, Vitolo saiu cara a cara com Neto e sofreu pênalti. Morata converteu e incendiou a partida. Aos 40, foi a vez de Correa aparecer livre na frente do goleiro brasileiro. Ele finalizou, viu Neto tocar na bola, mas decretou a virada final.

 

A final

Graças ao novo formato, a decisão da Supercopa não terá nem o último campeão espanhol, nem o último campeão da Copa do Rei - Barcelona e Valencia, respectivamente - pela primeira vez em sua história. No próximo domingo, às 15h (horário de Brasília), Real e Atlético se enfrentam em busca da taça.

 

Fim do jejum

Foi a primeira vez na história em que Simeone conseguiu derrotar, como técnico, o Barcelona em uma partida de torneio nacional. A vitória nesta quinta-feira foi a primeira em 23 partidas. Antes, foram oito empates e 14 derrotas.

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

NOTÍCIAS RELACIONADAS
ENVIE SEU COMENTÁRIO