Mato Grosso, 24 de Maio de 2022
Política
Callai afirma ser necessário reforçar com legislativo e executivo a discussão de projetos do futuro
10.05.2022
11:11
FONTE: Ascom Câmara | Josi Pegoraro

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

  • Foto: Ascom Câmara LRV

    Foto: Ascom Câmara LRV

No discurso do vereador Airton Callai na Sessão da última segunda-feira, suas palavras foram especialmente necessárias e deve partir desta Casa de Leis tudo o que ele falou. Começou dizendo que é preciso integrar, criar, ajudar, mas respeitar e saber que o Executivo é Executivo, Legislativo é Legislativo e Judiciário é Judiciário. Todos os poderes são iguais e nenhum é mais importante que o outro.

 

"Nós precisamos conhecer os projetos, ficar a par das ações do Executivo e também termos a nossa parcela de participação das mesmas ações e projetos. Precisamos tornar rotina a reunião com todos os vereadores, seja nessa Casa ou no Executivo, para ouvir demandas internas como também, saber o que o Executivo está propondo para o futuro da nossa cidade", afirmou Callai.

 

Destacou também que cada vereador é representante de uma parcela da sociedade e quando fala isso, quer dizer que tem que ouvir, discutir e ao final, ter maturidade em atender, ser atendido e quando não for, não ficar resmungando pelos cantos.

 

"Temos que estar no processo pra participar e poder ajudar pavimentar essa estrada do progresso que é Lucas do Rio Verde, assim, poderemos ser faróis, luz para a nossa população, poder olhar para o futuro, sem discutir ou achar problemas, sem procurar saber quem foi o gestor, mas trabalhar o agora", pontuou.

 

O legislador também alertou que atualmente tem placa de venda nos terrenos do Espaço do Empreendedor e que precisa ser discutido, pois isso está errado, já está virando especulação e não pode deixar mais acontecer.

 

 

Sugeriu trazer os secretários na Câmara para que eles digam o que querem fazer nas suas pastas até o final do ano, entender para depois ter uma opinião olhando pelo prisma do que vai ser feito. "Quem tem a caneta é o Executivo, mas podemos opinar no que pensamos que vai dar certo, aí sim, faremos a diferença para nossa gente no futuro. Vamos buscar a integração constantemente, cada um, garantindo a sua identidade. Discutir os projetos do futuro sem perder de vista o presente, é o que devemos reforçar entre o Legislativo e o Executivo", finalizou o vereador.

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

NOTÍCIAS RELACIONADAS
ENVIE SEU COMENTÁRIO