Mato Grosso, 27 de Julho de 2021
Mato Grosso
Covid-19: dia de campanha imuniza 750 trabalhadores da saúde e pessoas acima de 58 anos
13.06.2021
18:47
FONTE: Ascom Prefeitura/Duana Souza

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

  • Foto: Ascom Prefeitura/ Rayan Nicacio

    Foto: Ascom Prefeitura/ Rayan Nicacio

Foi realizado neste sábado (12) mais um dia de campanha de vacinação contra a Covid-19. Na oportunidade, 750 pessoas acima de 58 anos e trabalhadores da saúde foram imunizados.

O técnico em segurança do trabalho, Elson Martins, fala sobre a importância da vacina para seguridade do seu trabalho. “Para nós, que levamos a medicina do trabalho às empresas e estamos em contato direto com o público, é importante para estarmos nos respaldando de ser contaminado e também diminuir o contágio aos colaboradores que estão juntos de nós. Vamos nos incentivar, se você fizer parte de algum grupo que já está sendo vacinado, faça o seu cadastro no site da Prefeitura e vacine-se", declara Martins.

O evento foi realizado pela manhã, no Parque de Exposições, e teve acesso por meio de drive-thru e para pedestres. A coordenadora da Vigilância em Saúde, Cláudia Regina Engelmann, explica sobre a logística de grandes campanhas como essa.

“A gente monta uma estrutura, física e técnica, com a mesma certeza que seria a de receber a vacina em um PSF, na sala de vacina. Envolvemos vários profissionais para dar segurança, tanto externa, contando com a participação da Guarda Municipal, quanto de saúde, com equipe de Pronto Atendimento e ambulância disponível para possíveis emergências. Além disso, as vacinas são mantidas em caixas térmicas e devidamente checadas, com termômetros infravermelhos que verificam as temperaturas de cada frasco aberto”, explica a coordenadora.

A primeira-dama e secretária de Assistência Social, Janice Ribeiro, não conteve a emoção ao ser contemplada para a vacinação pela convocação de faixa etária. "Esse momento é de importância muito grande, momento de alegria e alívio porque a gente estava esperando tanto esta vacina. Eu já peguei Covid-19, eu sei que não é fácil e vemos tantas pessoas próximas que pegaram e já não estão mais entre nós. Então, é um sonho vacinar e hoje, com a primeira dose, eu realizei parte desse sonho. A gente espera, sinceramente, que em pouco tempo todos os luverdenses, todos os brasileiros, possam estar vacinados, para a gente possa resolver esse problema que preocupa tanto a nossa sociedade”, afirma Janice.

Alzira Back, 58 anos, veio com a nora, Rita, para garantir a imunização logo no início da manhã. "Eu sei que não tinha necessidade, mas chegamos bem cedo e já tinha gente por aqui! Estava ansiosa e acompanhando a atualização das idades chamadas para a vacinação, já que não havia conseguido me vacinar pelo grupo de comorbidades", explica.

Marcos Vinícius Ferreira, médico veterinário de uma indústria alimentícia do município, fala sobre o tão esperado momento da vacinação e deixa um recado para aqueles que ainda possuem medo ou receio de vacinar. “É uma satisfação ser reconhecido como parte da classe que tem trabalhado desde o início da pandemia para garantir a qualidade do alimento que chega à mesa do cidadão. Eu acredito muito na ciência. Acredito que a única forma de a gente superar esse momento tão difícil é através da vacinação, pode ter certeza que isso é o melhor para você”, afirma.

Quem está sendo imunizado na fase atual?

O município de Lucas do Rio Verde segue vacinando pessoas sem comorbidades (acima de 58 anos), pessoas com comorbidades (acima de 30 anos) e profissionais da educação (ensino fundamental, anos iniciais). Foram concluídas as etapas de vacinação de pessoas com Síndrome de Down (acima de 18 anos), pacientes com deficiências permanentes cadastradas ou não no BPC (ambos acima de 18 anos), trabalhadores da saúde, pacientes que fazem tratamento de hemodiálise (acima de 18 anos) e profissionais das forças de segurança.

Se você faz parte de algum dos grupos citados e ainda não recebeu a vacina ou está em dúvida sobre o pré-cadastro, entre em contato com a Vigilância em Saúde, das 7h às 11h, pelo telefone (65) 3548-2502.

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

NOTÍCIAS RELACIONADAS
ENVIE SEU COMENTÁRIO