Mato Grosso, 12 de Agosto de 2022
Economia / Agronegócio
Dívida Pública sobe 2,01% em maio e fica em R$ 5,7 trilhões
29.06.2022
06:55
FONTE: Daniel Ito - Repórter da Rádio Nacional

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

  • Foto: Agência Brasil

    Foto: Agência Brasil

Em abril e maio deste ano, a dívida pública federal aumentou quase 2,5%, atingindo o valor de R$ 5 trilhões, 702 bilhões. Os dados foram divulgados nesta terça-feira pelo Tesouro Nacional.

 

Geralmente, as despesas do Estado brasileiro são maiores do que a renda arrecadada com impostos e contribuições. Assim, a dívida pública federal são os valores tomados por empréstimo pela União para conseguir pagar essas despesas.

 

Segundo o Tesouro Nacional, a dívida pública aumentou 0,45% em abril e 2,01% em maio, sem considerar a inflação. A expectativa do órgão é de que a dívida continue crescendo ao longo de 2022, ultrapassando R$ 6 trilhões até o fim do ano.

 

Durante a divulgação dos dados, o Tesouro Nacional também destacou o cenário da economia global, com aumento nos preços do petróleo e a desvalorização do câmbio. Segundo o coordenador-geral de Operações da Dívida Pública, Luís Felipe Vital, esse cenário representa um aumento do risco para os países emergentes, como é o caso do Brasil.

 

O Tesouro Nacional costuma divulgar mensalmente os dados da dívida pública federal. Dessa vez, no entanto, o órgão divulgou os dados referentes a abril e maio, por causa da greve realizada pelos servidores no início deste mês.

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

NOTÍCIAS RELACIONADAS
ENVIE SEU COMENTÁRIO