Mato Grosso, 25 de Novembro de 2020
Economia / Agronegócio
Fabricação própria de ração pode reduzir em 50% custo na avicultura
11.11.2020
15:26
FONTE: Assessoria de Imprensa/ Senar-MT

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

  • mail

Moradores de Campos de Júlio aprenderam técnicas para melhorar em 50% a produtividade na criação de aves. A fabricação própria de ração é uma delas e também foram ensinadas receitas no curso de Avicultura Básica, ministrado pelo Sindicato Rural em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT).

 

"O produtor economiza quando decide não comprar a ração pronta. Em regiões que produzem milho e soja, a facilidade de fabricar a própria ração das aves é ainda maior", afirmou o instrutor credenciado junto ao Senar-MT, Albenízio Alves de Souza.

 

De acordo com o profissional, além da redução de gasto com as rações, ainda é possível aliar a avicultura com outra fonte de renda: a horticultura. "A cama do frango é um adubo fortíssimo. Se o produtor souber aproveitá-la, é possível ter duas fontes de renda".

 

Há mais de um ano no ramo, a carioca Maria Rodrigues de Araújo trocou a terra natal pelo interior mato-grossense. O conhecimento servirá para alavancar o novo negócio: a produção de ovos caipiras. "A gente estava fazendo tudo errado e acredito que vá melhorar muito depois do curso".

 

José Pereira, também começou a investir na avicultura no ano passado e está empreendendo aos poucos. "Já tenho a instalação pronta, mas não tinha conhecimento técnico. Agora vou seguir o caminho certo".

 

 

A agricultura familiar é o foco do Sindicato Rural de Campos de Júlio. Tassiany dos Santos, gerente sindical acredita que a demanda vá garantir o crescimento financeiro aos produtores locais. "Com as técnicas corretas, os produtores irão se aperfeiçoar e melhorar a produção".

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

NOTÍCIAS RELACIONADAS
ENVIE SEU COMENTÁRIO