Mato Grosso, 02 de Dezembro de 2021
Nacional / Internacional
Fiocruz confirma internação de duas pessoas com suspeita do mal da vaca louca
12.11.2021
09:49
FONTE: Redação com Assessoria

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

  • Foto: Erasmo Salomão - reprodução Agência Brasil

    Foto: Erasmo Salomão - reprodução Agência Brasil

A Fiocruz, Fundação Oswaldo Cruz, confirmou, nesta quinta-feira, a internação de dois pacientes, moradores da Baixada Fluminense, com suspeita do mal da vaca louca.

 

Ambos estão internados, e em isolamento, no Centro Hospitalar para a Pandemia de Covid-19, do Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas, em Manguinhos, na Zona Norte do Rio de Janeiro.

 

A Secretaria Municipal de Saúde do Rio informou que um mora em Belford Roxo, e o outro, em Duque de Caxias.

 

Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, logo que recebeu a notificação, uma equipe do Departamento de Vigilância em Saúde esteve na casa do paciente para proceder a investigação do caso e monitoramento.

 

Neste momento, o caso está sendo classificado com a forma clínica de esporádico, não tendo sido registrado, até o momento, a fonte de contaminação.

 

O mal da vaca louca é uma doença cerebral, degenerativa, fatal, que afeta o gado e pode infectar humanos se houver o consumo de carne contaminada.

 

Em setembro, o Ministério da Agricultura confirmou dois casos da doença em animais. Um em Belo Horizonte, Minas Gerais, e outro no município de Nova Canaã do Norte, em Mato Grosso.     

 

A doença é fatal e atinge bovinos adultos de idade mais avançada, provocando a degeneração do sistema nervoso. Como consequência, uma vaca que, a princípio, era calma e de fácil manejo, por exemplo, se torna agressiva, daí o apelido do distúrbio.

 

 

Por outro lado, o Mapa, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, esclarece que os casos de mal da vaca louca investigados pela Fiocruz  são suspeitas da doença e não têm relação com o consumo de carne.

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

NOTÍCIAS RELACIONADAS
ENVIE SEU COMENTÁRIO