Mato Grosso, 06 de Agosto de 2020
Esportes
Governadora de Tóquio diz que Olimpíadas devem ser símbolo de superação ao coronavírus
13.07.2020
10:01
FONTE: GloboEsporte

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

  • Governadora de Tóquio diz que Olimpíadas devem ser símbolo de superação ao coronavírus

    Governadora de Tóquio Yurike Koike em reunião do Comitê Tokyo 2020 — Foto: Associated Press

Com data confirmada para julho do ano que vem, as Olimpíadas ainda são encaradas com certa resistência por parte da população japonesa. Yuriko Koike, governadora recém-reeleita de Tóquio, porém, encara os Jogos com uma outra visão. Em entrevista nesta segunda-feira, a governante afirmou que o evento deve servir como símbolo da superação ao coronavírus.

 

- Quero sediar os Jogos como um símbolo do mundo se unindo para superar essa situação difícil e de vínculos fortalecidos entre a humanidade – disse Koike em entrevista à agência Reuters nesta segunda-feira.

 

A governadora evitou dar um prazo para a decisão final sobre a realização dos Jogos no ano que vem. Apesar de ter mantido uma situação controlada durante a pandemia, Tóquio tem enfrentado um novo pico de casos de coronavírus.

 

Neste fim de semana, Thomas Bach afirmou que teria sido mais fácil para o Comitê Olímpico Internacional cancelar as Olimpíadas. Mas voltou a falar do compromisso da entidade para realizar o evento.

 

- Cancelar os Jogos por força maior teria sido mais fácil para o COI e teríamos a receita de seguros. Mas estamos lá para organizar os Jogos, não par cancelá-los - disse Bach, em entrevista ao jornal “L’Equipe”.

 

As Olimpíadas foram adiadas por conta da pandemia de coronavírus. A decisão de realizar os Jogos em julho do ano que vem impôs ao COI uma série de tarefas. Contratos, sedes e garantias a atletas e delegações são os principais problemas logísticos, além do alto custo, em torno de US$ 650 milhões, na casa dos R$ 3,5 bilhões.

 

Na última passada, os relatórios apontaram que o Tóquio 2020 estava perto de garantir todos os locais esportivos para 2021. O COI, porém, diz que ainda há um longo caminho pela frente. Apesar do temor de que a pandemia de coronavírus não chegue ao fim até 2021, as Olimpíadas estão previstas para 23 de julho a 8 de agosto.

 

Atual governadora de Tóquio, Yuriko Koike, de 67 anos, venceu as eleições realizadas na última semana, reelegendo-se pelos próximos quatro anos. No discurso após a confirmação da vitória, a líder da capital japonesa prometeu realizar uma Olimpíada segura para os atletas e para os residentes de Tóquio no próximo ano, além de seguir firme no combate ao coronavírus.

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

NOTÍCIAS RELACIONADAS
ENVIE SEU COMENTÁRIO