Mato Grosso, 28 de Maio de 2020
Mato Grosso
Número de municípios com casos suspeitos de Covid-19 triplica em uma semana em MT
07.04.2020
08:00
FONTE: G1 MT

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

  • Nos 70 municípios com suspeitas residem 87% da população do estado e a evolução da propagação do coronavírus em MT acompanha a do cenário mundial, onde o número de suspeitas dobra a cada 3 dias.

    Foto: Reprodução

Um levantamento feito pelo Departamento de Geografia da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) aponta que, em apenas uma semana, o percentual de municípios mato-grossenses que apresentam casos suspeitos de Covid-19 saltou de 15% para 49%.

 

Segundo a pesquisa, nos 70 municípios com suspeitas residem 87% da população do estado e a evolução da propagação do coronavírus em Mato Grosso acompanha a do cenário mundial, onde o número de suspeitas dobra a cada 3 dias.

 

O estudo avalia a evolução da propagação do vírus na região desde a confirmação do primeiro caso, no dia 20 de março, em Cuiabá.

 

A análise mostra que o número de casos aumentou de forma rápida. Uma semana depois do primeiro caso, já havia 14 pessoas infectadas pelo coronavírus, distribuídos em quatro municípios de Mato Grosso, sendo eles Cuiabá, Rondonópolis, Várzea Grande e Nova Monte Verde.

 

O levantamento também aponta o rápido crescimento do número de casos suspeitos de Covid-19. No dia 19 de março, eram 59 suspeitas, distribuídas em 18 municípios.

 

Uma semana depois, 384 suspeitas eram investigadas pela SES, em 65 municípios. No dia 27 de março, apenas um dia depois, o número subiu para 556, em 70 municípios. Ou seja, 172 casos suspeitos de coronavírus surgiram em um dia e cinco novos municípios entraram na lista.

 

De acordo com o estudo, quase metade do estado já tem pessoas com sintomas da Covid-19, mesmo que não sejam ainda casos confirmados. Isso demonstra um forte poder de disseminação e dispersão do vírus em Mato Grosso.

 

Segundo o estudo, a constatação permite afirmar que a ideia inicial de que o clima seria um fator limitante para a propagação do vírus não se confirma, pelo menos a curto prazo.

 

A pesquisa cita também o aumento expressivo em apenas um dia nas cidades de Sinop, que passou de 33 suspeitas para 85, Sorriso, que passou de 10 suspeitas para 32, e Colíder, que teve o primeiro caso suspeito no dia 26 de março e ganhou 22 novos casos um dia depois.

 

De uma maneira geral, segundo o estudo, o aumento do número de casos no estado acompanha a tendência mundial de, no início da disseminação local, dobrar o número de casos a cada 3 dias. A curva de crescimento de casos suspeitos tem o mesmo comportamento.

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

NOTÍCIAS RELACIONADAS
ENVIE SEU COMENTÁRIO