Mato Grosso, 22 de Outubro de 2021
Mato Grosso
PM prende quadrilha e apreende armas de fogo após sequestro e tortura à mulher em Sinop
24.09.2021
08:47
FONTE: Assessoria | Assessoria PM-MT

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

  • Foto: PM-MT

    Foto: PM-MT

A Polícia Militar prendeu, na noite de quarta-feira (22.09), cinco suspeitos de sequestrarem e torturarem uma mulher de 25 anos, no bairro Jardim Celeste, em Sinop. Com os homens, a PM apreendeu uma espingarda calibre 12, um revólver calibre 38 e uma faca.

 

Por volta das 23h, os policiais militares foram informados (via 190) que pelo bairro Jardim Celeste, em Sinop, havia um veículo branco com homens armados. Após se deslocarem até o local, os policiais avistaram um veículo celta e abordaram o condutor, um homem de 25 anos, que informou que estaria dando apoio aos outros três suspeitos que estariam armados em uma residência na Rua das Acerolas.

 

Os policiais se deslocaram até o local e abordaram quatro homens.

 

Ainda em diligência pela casa, os policiais encontraram uma mulher em um dos quartos, que relatou ter sido surpreendida pelos suspeitos, os quais a agrediram, ameaçaram e a mantiveram trancada no quarto, dizendo serem policiais e perguntando para a mesma sobre um veículo Gol que havia sido furtado. A mulher informou ainda, que dois desses homens estavam armados.

 

No interior da residência foram localizadas, embaixo de um colchão, uma espingarda calibre 12 com quatro munições intactas, um revólver calibre 38 com seis munições intactas, dois radiocomunicadores Motorola e uma faca grande. Ao serem indagados, os homens responderam que estariam atrás do autor do furto do veículo gol, e que o proprietário desse veículo estava na casa ao lado, dando apoio com informações aos suspeitos.

 

Foi feita a abordagem ao proprietário do veículo gol na casa ao lado, onde o homem de 26 anos afirmou aos policiais a versão dada pelos comparsas e disse ainda que a vítima sabia quem era o autor do furto.

 

 

O veículo Celta e as armas foram apreendidos e encaminhado à delegacia, assim como os cinco suspeitos envolvidos.

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

NOTÍCIAS RELACIONADAS
ENVIE SEU COMENTÁRIO