Mato Grosso, 24 de Janeiro de 2021
Economia / Agronegócio
Ricardo Amorim garante que educação é a saída para a crise do Brasil
09.04.2015
10:23
FONTE: Assessoria

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

Para o economista Ricardo Amorim o Brasil está passando por uma crise econômica, mas diferente de muitos colegas de profissão que estão pessimistas, ele defende a ideia de que há soluções e uma delas é a educação. "Se queremos  mudar um país, precisamos mudar as pessoas", afirma.
 
Amorim ressalta que a educação cria condições da população saber o que quer e fazer exigências junto aos governantes. "Até mesmo os líderes de um país mais educado são melhor capacitados e têm mais condições de lutar pelos anseios de seus liderados", completa.
 
No próximo dia 14 de abril, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) e a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado (Famato) realizam o evento Cresce-MT  "Educação, política e economia para uma sociedade melhor". O evento irá ocorrer no Cenário Rural, em Cuiabá, a partir das 08 horas e a programação segue até às 17h.
 
Além de Ricardo Amorim, participam do Cresce-MT o mestre em economia Xico Graziano, o filosofo e educador Mario Sérgio Cortella, autoridades, profissionais e especialistas em educação, economia e política  do Estado.
 
Ricardo Amorim acredita que eventos como o Cresce-MT são fundamentais, pois coloca o assunto em pauta e mobiliza as pessoas. "É a oportunidade de iniciarmos o debate. Mais que isso, coloca pessoas interessadas pelo assunto em contato e isso potencializa os resultados".
 
De acordo com o presidente do Sistema Famato/Senar, Rui Prado, o Cresce-MT nasce com o objetivo de colaborar com o assunto.  “O Agronegócio é responsável por 50% do Produto Interno Bruto do Estado e o setor quer inserir este assunto nos seus debates para mostrar como a educação é importante no desenvolvimento e uma sociedade”, analisa.

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

NOTÍCIAS RELACIONADAS
ENVIE SEU COMENTÁRIO