Mato Grosso, 12 de Agosto de 2022
Mato Grosso
Secretaria Municipal de Saúde divulga alerta sobre toxoplasmose no município
01.07.2022
10:37
FONTE: Ascom Prefeitura/Gabriela Corsino

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

  • Foto: Reprodução

    Foto: Reprodução

A Secretaria de Saúde de Lucas do Rio Verde informa que, de janeiro a junho de 2022, foram registrados 27 casos confirmados de toxoplasmose no município. Destes, seis são em gestantes.

 

A constatação ocorreu através de exame laboratoriais. Nas grávidas, as notificações são feitas nas unidades de saúde, onde o exame é de rotina, devido a possibilidade de má formação do bebê.

 

Os casos confirmados já estão sendo acompanhados e são de pacientes que moram nos bairros: Bandeirantes, Alvorada, Pioneiro, Jardim das Palmeiras, Jardim Primaveras, Jardim Amazônia, Cerrado, Menino Deus, Centro, Vida Nova, Parque das Emas, Parque das Araras e Cidade Nova. Porém, não se sabe em que parte do município as pessoas foram contaminadas.

 

As gestantes que apresentam a doença podem transmiti-la para o feto, o que pode levar ao aborto, danos neurológicos, deficiência mental e convulsões. A toxoplasmose é uma infecção muito comum, mas a manifestação de sintomas da doença é rara.

 

Segundo a supervisora da Vigilância em Saúde, Cláudia Regina Engelmann, após positivados, os casos passam a ser monitorados. "O monitoramento é realizado como forma de conhecer a dimensão dos casos e investigar possíveis fontes e situações de risco. A toxoplasmose não é uma doença de notificação compulsória, a não ser em casos em gestantes e toxoplasmose congênita", explica.

 

A população deve procurar atendimento médico se apresentar sinais da doença. Os principais sintomas são febre alta, dor de cabeça, dor nos músculos e indisposição.

 

De acordo com a Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI), é uma doença infecciosa causada pelo protozoário Toxoplasma gondii. Esse micro-organismo é facilmente encontrado na natureza, em grande número entre mamíferos e pássaros.

 

Sintomas

De acordo com o Ministério da Saúde, os sintomas da toxoplasmose são variáveis e associados ao estágio da infecção (agudo ou crônico). Os sintomas normalmente são leves, similares à gripe ou dengue, e podem incluir dores musculares e alterações nos gânglios linfáticos. É importante que ninguém faça o autodiagnostico.

 

Prevenção

Várias medidas simples podem ser tomadas para a prevenção da toxoplasmose:

    • Consumir apenas carne bem cozida

    • Lavar bem frutas e legumes

    • Congelar a carne por 3 dias a 15º C negativos

    • Lavar as mãos regularmente, sobretudo após a manipulação de alimentos e antes das refeições

    • Evitar contato com areia de gatos e lavar bem as mãos após este procedimento. Gestantes não devem ter contato com areia de gatos

    • Manter o gato bem alimentado e sem acesso à rua para ele não caçar e se contaminar

    • Evite acariciar cães que andem soltos

    • Controle ratos e insetos como moscas, baratas e formigas, descartando corretamente o lixo doméstico e os dejetos das criações de animais

 

    • Lave bem as mãos e as unhas após trabalhar na terra (horta ou jardim).

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

NOTÍCIAS RELACIONADAS
ENVIE SEU COMENTÁRIO