Mato Grosso, 02 de Dezembro de 2021
Economia / Agronegócio
Comitiva de MT visita Argentina para conhecer produção de amendoim
22.11.2021
08:36
FONTE: Redação com Assessoria

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

  • Foto: Secom-MT

    Foto: Secom-MT

Uma comitiva da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso realizou visitas técnicas à região de Córdoba, na Argentina, para conhecer os aspectos de plantio e industrialização do amendoim.

 

Um dos locais visitados foi a empresa Sementes El Carmen, de propriedade de Juan Suab, que mostrou todo o processo de aproveitamento da cadeia do amendoim desde o preparo do solo para cada tipo de semente, a fecundação do amendoim, semente partida, processo de salga, coloração e caramelização com chocolate.

 

Outro local visitado foi a empresa familiar Lorenzati, que além de plantar e industrializar o amendoim, produz energia elétrica a partir da casca da leguminoza.

 

A comitiva também esteve na empresa exportadora de amendoim Prodeman que planta, arrenda terras, compra sementes de pequenos produtores e industrializa a oleoginosa. E também tem uma empresa geradora de energia advinda do produto.

 

A região de Córdoba é responsável pelo plantio de 90% de amendoim argentino. Nesse ano, a Argentina deve plantar cerca de 380 mil hectares de amendoim.

 

A oleoginosa pode ser plantada uma vez a cada 4 anos, a área não pode ter plantio em sequência para evitar doenças.

 

Atualmente há uma indústria beneficiadora do amendoim instalada em Mato Grosso, no município de Nova Ubiratã, que despertou o interesse de agricultores da região que estão cultivando o amendoim para fornecer a empresa.

 

 

Para abastecer a indústria são necessários em torno de 25 mil hectares de plantio de amendoim. Para se estabelecer no Estado, a empresa Beatrice Peanuts investiu 40 milhões de dólares.

IMPRIMA ESSA NOTÍCIA ENVIE PARA UM AMIGO

NOTÍCIAS RELACIONADAS
ENVIE SEU COMENTÁRIO